DietoterapiaA Dietoterapia foi criada por vários nutricionistas, com o propósito de prevenir ou curar algumas doenças, através de uma boa alimentação.

O que é a Dietoterapia

A Dietoterapia vem sendo cada vez mais valorizada, não só pelos médicos, mas também pelas pessoas que passam a conhecer esse tipo de tratamento. A Dietoterapia funciona através de cardápios variados, para cada tipo de problema que as pessoas possuem. Sendo assim, a Dietoterapia serve para tratar alguns problemas, através de uma alimentação rica em nutrientes e saudáveis.

Como fazer a Dietoterapia

O cardápio da Dietoterapia pode variar de acordo com o problema que cada pessoa estabelece. Sendo assim, os problemas podem ser desde os mais simples, até mesmo os mais complexos, fazendo da Dietoterapia um tratamento muito eficaz. Sendo assim existem vários tipos de Dietoterapia, cada uma com uma função diferente.

Tipos de Dietoterapia

Conheça os principais tipos de Dietoterapia:
Dieta Hiposódica: É indicada para pacientes hipertensos, cardiopatas, com retenção de líquidos, dentre outros.
Dieta Hipercalórica: Dieta rica em energia, que tem o objetivo de prevenir e tratar principalmente a desnutrição.
Dieta Hipocalórica: Visa a redução de calorias, é indicada nos casos de obesidade.
Dieta Hiperproteíca: Usada nos casos de desnutrição, oferecendo principalmente proteínas de alto valor, também é utilizada em pacientes traumatizados como os queimados, para o desenvolvimento tecido lesionado.
Dieta Hipoproteíca: Indicada para pacientes portadores de insuficiência renal, cirrose hepática.
Dieta Hipoglicidica: É a dieta para o diabético, que é pobre em glicidios simples, em destaque a sacarose, o tradicional áçucar de mesa.
Dieta Hipolipídica: Dieta pobre em gorduras, indicada para pacientes com hipercolesterolemia e obesos.
Dieta Hiperlipídica: Indicada para tratamento de desnutrição grave.
Essas são dicas de como funciona a Dietoterapia.