incontinência urináriaIncontinência urinária é a perda involuntária de urina da bexiga em situações impróprias, o que vem causando muito desconforto e constrangimento em muitas mulheres.

Como ocorre a incontinência urinária feminina

Ocorre um grande aumento de incontinência urinária na mulher de acordo com o aumento na idade, atingindo principalmente após a menopausa. A incontinência urinária feminina acaba sendo devastadora na qualidade de vida das pacientes, mas pode ser tratada. Na maioria das vezes a incontinência urinária ocorre por causa do uso de medicamentos, infecções, constipação ou problemas hormonais. Dependendo da causa da incontinência urinária pode ser que haja tratamento ou pode ser definitiva a situação, sendo que pode ainda ter uma piora progressiva. Algum trauma na região pélvica pode deixar as mulheres incontinentes.

Tratamento da incontinência urinária feminina

O tratamento vai depender das causas da incontinência urinária. As possíveis causas da perda de urina são a perda de peso, a tosse crônica e a constipação, o alívio desses sintomas pode ser conseguido com alguns medicamentos, com exercícios para o assoalho pélvico, o uso de cones vaginais e de eletros-estimuladores. Há também as técnicas mais avançadas que injetam colágeno ao redor da uretra e mesmo cirurgias que corrigem esses problemas.

Como prevenir a incontinência urinária feminina

Para a prevenção da incontinência urinária deve-se instituir na rotina os exercícios para o assoalho pélvico, principalmente após o parto normal e após cirurgias sobre a região pélvica. A incontinência urinária feminina, mesmo atrapalhando muito a vida das mulheres, raramente não possui tratamento, então é muito importante que desde que sentir os primeiros sintomas deve ir em imediato ao médico, para que se necessário iniciar logo o tratamento da incontinência urinária.